sábado, 8 de maio de 2010

Heartbreak

Não há outra palavra pela qual eu possa substituir a expressão coração partido. Sabem, não só o amor parte nossos corações.

Tantas coisas acontecem no nosso dia a dia, é difícil dizer o que mais nos incomoda... Brigas com amigos, brigas com os amantes, brigas familiares, etcétera. E cada uma delas nos esgota, cada gota de energia que temos nos é tirada. Sim.

Às vezes as coisas dão tão erradas que pensamos se não somos nós o verdadeiro problema, então paramos e colocamos na balança cada coisa que já fizemos e é assustador, realmente apavorante, sabermos que estamos presos em uma enrascada da qual não conseguiremos sair tão facilmente como nos colocarmos nela, por mais que tentemos e provemos que não fizemos nada ou mesmo arrependidos pelo que fizemos, quando o fizemos.

O mais engraçado é que nos damos conta de que talvez sejamos pessoas horríveis, mas não queremos acreditar... Então perdemos o sono, ficamos sensíveis e emocionais, nervosos.

Enquanto na verdade a outra pessoa sente-se tão injustiçada e traída quanto você.
Aí o pânico aumenta, pois essa pessoa começa a fazer “campanhas” contra você, porém você está sozinho nessa e as pessoas finalmente começam a te achar um monstro. Então elas te olham e apontam, comentam sobre você, mas nada do que você diga poderá reverter a situação.

E acreditem ou não, são assim que monstros são criados, por enganos e confusões que se alastram e partem corações, fazendo com que eles se tornem algo que tentavam não ser, mas mesmo assim o fizeram ser.

Um comentário:

  1. adooorei ju, foi sincero, ate me parou pra pensar ! adooorei !

    ResponderExcluir